Eu vou Voar.



Fechei meus olhos e então senti o cheiro do mar. Senti o vento tocar meu rosto. Por alguns segundos eu encontrei a paz que eu sempre quis. Lembrei-me de minha infância. Os dias em que ele me abraçou e me disse que me amava. Aqueles dias em que fomos ao Maracanã ver o Fluminense jogar. Pela primeira vez consegui lembrar de meu pai sem pensar naquela grande dor. Sorri nesse momento. Lembrei de minha mãe também. Os conselhos que ela sempre quis me dar e eu nunca os segui. No fim minha vida não foi tão ruim. Vivi intensamente cada segundo. Passar algum tempo com ele foi bom. Lembrei-me de cada momento, cada palavra. Ele queria se casar! Eu queria tê-lo em minhas mãos. Por muito tempo eu consegui. Ele foi um ótimo namorado. Senti que lágrimas escorriam de meus olhos nesse momento. Ele me fez muitas promessas, mas nunca as cumpriu. Talvez ele realmente me amasse. Se ela não tivesse aparecido, ele seria meu! Mas o que importa agora? Eu fiz tudo o que podia ter feito e não me arrependo de nada! Nesse momento abri meus braços e apenas pensei: "Jack, eu posso voar!" Sorri ao me recordar que ninguém voa no inferno. Eu sei que é pra la que eu vou. Eu vou pagar por tudo la! Assim como meu pai! No fim ele tinha razão. Eu e meu pai somos idênticos. Não a nada mais que eu possa fazer. A minha vida acaba aqui. Como num grande espetáculo! Vou sair de cena, mas sei que deixei o meu nome na história! Só espero que ninguém diga que eu não tive sentimentos. Eu o amei. E amei muito! Só não soube amar direito. Meu próximo passo vai me levar para o inferno. Só espero que la não esteja tão frio. Afinal, não estou levando casaco! Sorri nesse momento. Ele uma vez me disse que quem realmente quer morrer não bebe veneno, mas atira na própria cabeça ou então pula de um penhasco. Então como não tenho uma arma aqui, espero que a queda não doa muito. Espero que o mar me leve pra longe daqui. Vou deixar você em paz! Espero que você seja muito feliz, mas que nunca se esqueça de mim, porque eu realmente te amei. Você foi a única pessoa que eu realmente amei! Tirei então de meu bolso o cordão com a aliança que um dia você me deu. Ele tem seu nome gravado. Beijei-a e pus no chão. Fiquei na ponta da rocha. É aqui que minha vida acaba. Me leve vento! Eu quero voar pela ultima vez! Adeus!


Comentários