- Desejo e amor.




Eu estava deitada em uma cama... Não foi difícil lembrar do dia anterior, tudo foi incrivelmente perfeito... Percebi que estava deitada sobre algo quente e fazia um barulho constante, era o seu peito e eu estava ouvindo o coração do cara que eu amo... Todos os meus planos, desejos e vontades simplesmente mudam quando está por perto e o motivo deles existirem em meu pensamento é porque o objetivo de cada um passou a se-lo. Minha maior vontade, meu maior desejo e todos os meus planos têm o seu nome no meio. Eu o amo tanto a ponto de imaginar-lo em qualquer coisa. Não é que a minha vida ganhou um novo sentido quando apareceu nela, é que simplesmente eu comecei a viver depois disso.  Eu o observava e mexia em seu cabelo que estava bagunçado, naquela noite fomos um do outro, foi tudo como eu sempre pensei que seria, sei que ele me observou enquanto eu dormia, pois acordei algumas vezes e estava sorrindo a todo momento... Lembro que ele disse que me amava enquanto nos cedíamos a desejos mais profundos e incontroláveis... Mas agora era minha vez de observa-lo... Mexer em seus cabelos e sorrir ao ver que ele parece bem até dormindo... Não sei se muitas pessoas já passaram por isso, mas eu estou passando...
-Bom dia – disse eu ao vê-lo despertar.
-Bom dia amor – sua voz é tremula e sonolenta.
-Dormiu bem?
-Claro que sim, dormi com quem eu amo, e você?
-Não precisa perguntar... – respondi.

“É bom acordar e ver quem se ama ao seu lado, é uma das melhores sensações humanas... Amor ... Meninos acham meloso e tudo mais, mas eu penso dessa forma: Meninos são idiotas e não sabem o que é amar pois nunca amaram alguém por quem se daria a vida... Mas HOMENS, eles sim sabem o que é amor e o que seriam capazes para ver quem se ama feliz, mesmo que não seja ao lado deles...
 Fugi da história, eu sei... Mas eu precisava falar isso... Meninos e HOMENS sempre serão diferentes...”

-Quer levantar? – perguntou.
-Não, eu quero ficar aqui com você... – lhe dei um leve selinho e ele retribuiu, me deu um beijo em minha testa e deitei sobre seu peito, depois de algum tempo ele me beijou, como o dia anterior e eu o retribui tão intensamente quanto... Fomos levados pelo momento, pelo desejo e primeiramente pelo amor... Deslizou as mãos em minhas costas e me puxou para ficar 
sobre ele, a sensação de ser dele é ótima, pelo menos para mim estar e ser de alguém que se quer passar o resto da vida vale muito apena...




Comentários

Postar um comentário

Obrigado por comentar!