Frio.

Menos de um segundo e eu ja perco o ar...
O vento gelado batia em meu rosto. Me apertava em meu casaco enquanto caminhava. Pessoas indo e vindo de todos os lados. Casais de alunos passavam por mim. Algumas pessoas riam, outras apenas passavam por mim sérias. Uns com muita pressa, outros pareciam apenas passear. O céu estava cinza, mas não chovia mais. Então enquanto caminhava acabei esbarrando em você. Parecia estar apressado. Apenas me pediu desculpas e se foi. Nem ao menos me olhou. Nem ao menos notou que era eu. Fiquei alguns instantes ali parada te olhando caminhar. Vestia uma calça jeans, sapatos e uma camisa social. Você cresceu. Não é mais aquele garoto que me pegava no colo. Não é mais aquele que me jogava da piscina. Não é mais aquele que gritava meu nome bem alto dizendo que me amava no fim de cada discussão ou arrotava no cinema. Hoje você é um grande homem. Eu cresci também. Sou uma mulher feita! Mas com os mesmos medos e dúvidas que tive quando era apenas uma adolescente. "-Nossa! Melhor eu continuar caminhando." - Quanto tempo faz que terminamos? Acho que uns cinco anos. Não era aqui que eu desejava estar. Achei que estaria ao seu lado. Achei que seria a mãe de seus filhos. Será que hoje você os tem? Será que encontrou alguém melhor que eu? Talvez sim. Você fez eu me sentir muito pequena quando entrou em minha vida. Talvez esse tenha sido meu erro. Meu medo de não estar a sua altura talvez tenha sido crucial para o fim de tudo. Ainda lembro dos dias em que você me dizia que jamais me deixaria. Agora estou rindo ao lembrar disso. Mas você não cumpriu suas promessas. Você me deixou. Só me restou sentir esse frio. Mas talvez tenha sido melhor assim. Você se foi, mas deixou algo muito importante. Nada mais será como antes. Pensar em você vem se tornando algo irrelevante a algum tempo já. Por algum tempo eu senti saudades, por outros senti sua falta. Mas hoje só me resta esse conformismo. Só me resta crescer e cuidar do que ficou. Espero que nosso filho seja como você! Exceto na parte que me abandona. Olha pra mim, como sou boba! Estou chorando outra vez. Estou chorando e você não esta aqui pra secar minhas lágrimas. 

Comentários

Postar um comentário

Obrigado por comentar!