terça-feira, 29 de novembro de 2011

Você sempre será o meu mundo.

Você sempre será o meu mundo.

O céu estava cinza. Bem diferente daquele início de verão de quatro anos atrás. Era uma tarde fria de domingo. Caminhei até a praia onde nos conhecemos. Sabia que a encontraria naquele mesmo lugar. Estava sentada numa pedra que fica de frente pro mar. O cheiro da maresia tomava conta de tudo. A brisa fria conseguia até me deixar arrepiado. Tirei meus chinelos e deixei que meus pés tocassem a areia da praia. Caminhei então em sua direção. Cada passo me trazia uma lembrança. Tudo o que passamos juntos... Em quatro anos conseguimos construir uma história de amor incrível. Meus olhos avermelharam e se encheram de lágrimas ao lembrar-me do quanto ela me fazia feliz. Eu sabia o quanto ela significava em minha vida. Então me senti um idiota por saber que não dizia isso tanto quanto deveria mais. Já estava bem próximo quando percebi que ela estava chorando. Seu rosto vermelho e molhado e seus cabelos levemente cacheados cor castanho-médios balançavam com o vendo. Apesar de estar chorando, ela estava linda! Baixei minha cabeça, fui até seu lado e sentei-me.

Não entende que eu te amo?
-Por que agente briga tanto? – Perguntou ela chorando. Senti uma facada em meu coração nesse momento.
-Eu não sei te responder isso... Desculpe-me. – Eu estava com um nó na garganta.
-Tudo bem... Eu que peço desculpas. Eu fiquei aqui pensando... Acho que tenho cobrado de mais de você. Talvez eu devesse ir mais devagar e...
-Não amor! – Disse eu interrompendo-a. – Não é isso! Eu gosto muito de você! Você não esta cobrando de mais, eu que sou um bobo mesmo. Sei que tenho vacilado e ficado distante.
-Antes você era mais presente... Mesmo morando longe. – Seu olhar era comovente.
-Eu sei. Acho que o trabalho tem roubado meu tempo todo ultimamente...  Acho que tenho que me dedicar mais a você.
-Não é isso amor. Só queria ouvir sua voz mais vezes... Queria beijar mais... Eu queria me sentir mais sua, e isso não esta acontecendo...
-Eu sei... – Já haviam algumas lágrimas escorrendo de meus olhos vermelhos nesse momento. – Eu to tentando ficar mais perto. Sei que isso tem atrapalhado bastante nosso relacionamento e...
-Não... – Ela me interrompeu. – Acho que a culpa não é sua. Nós crescemos. Temos mais responsabilidades. Não sou mais aquela garota que vivia esperando o verão chegar para te encontrar aqui em Saquarema. Eu cresci. Hoje sou uma mulher e...
-Você abriu mão de muita coisa por mim. Eu não sou bobo.  – Eu a interrompi outra vez. – Sei que você veio morar aqui por minha causa. Sei que eu deveria estar mais perto de você...
-É... – Ela então olhou pro horizonte, depois baixou o olhar.
Eternamente seu.
-Se lembra de tudo o que a gente dizia a uns dois anos atrás? Que queríamos dormir e acordar todos os dias juntos? Que queríamos que fosse mais que um fim de semana? – Ela sorriu nesse momento e olhou pra mim. Depois baixou o olhar outra vez e voltou a olhar pro horizonte.
-Claro que lembro bobão. – Ela estava sorrindo ainda.
-Ainda é o que você quer? – Eu estava sério. Ela então me olhou com um olhar comovente.
-É o que eu mais quero. – Fechou seus olhos e sorriu. – É o que eu sempre vou querer! – Abriu novamente os olhos. – E você? Ainda quer isso? – Olhei em seus olhos sem esboçar se quer um sorriso. Segurei em uma de suas mãos.
-Quer se casar comigo? – Seu sorriso se desfez. Seus olhos se moviam rapidamente tentando decidir para qual dos meus eles se fixavam para responder a pergunta. – Quer ser minha pra sempre? Casa comigo? – Seus olhos se encheram de lágrimas e então ela me abraçou bem forte.
-É o que eu mais quero meu amor! – Foi o que ela disse ao pé do meu ouvido. – Quero ser sua pra sempre! Quero me casar com você. Sim! Eu quero me casar com você!

Sua pra sempre...
Eu tinha certeza do quanto a amava. Aquele sem dúvidas foi o melhor dia da minha vida até hoje. A brisa, a praia, o frio, o nosso amor... Nunca vou esquecer! Seis meses se passaram desde então. Hoje estou aqui no altar a esperando. Ela esta linda! Caminha suavemente. Ela fica linda nesse vestido de noiva! Um dia sonhei que ela usava uma coroa de flores exatamente como essa! Esta fantástica! Fascinante. De braço dado ao seu padrinho, ela caminha em minha direção. Seu olhar esta fixo ao meu. Tenho certeza que em sua cabeça passou o mesmo filme que passou na minha. Então ela chegou. Seu sorriso é encantador!

-Cuide bem de minha sobrinha! – Disse seu padrinho.
-Ela é a minha vida! Eu vou cuidar! – Eu sorri.
-Eu sei que vai. – Disse ele sorrindo ao meu ouvido quando me abraçou.

Ela esta aqui. Eu a olho nos olhos.

-Eu te amo. – Disse eu sorrindo.
-Muito? – Ela retribuía o sorriso.
-Muito!
-E eu amo muito você!
-Pra sempre?
-Sim! E uma semana a mais!


4 comentários:

  1. Vi seu blog numa comunidade
    Tô seguindooo
    http://mulheresqueamamerrado.blogspot.com
    Segue tbm?

    ResponderExcluir
  2. Resolvi conferir o blog depois de um tweet que me mandou, adorei ele! Gosto de blogs com textos desse tipo, comecei até um recentemente e vou até seguir aqui! :*

    ResponderExcluir
  3. Obg !! :D Espero que possa voltar sempre por aqui.

    ResponderExcluir
  4. Gostei bastante! Vou começar a ler mais ! Beijos ;*

    ResponderExcluir

Obrigado por comentar!