Isso tudo vai passar.


" Sempre que quiser um beijo eu vou te dar. " (Se quiser - Tânia Mara)
Eu estava perdida. Me sentia sozinha como nunca havia me sentido. Eu caminhava lentamente a beira do mar. As ondas tocavam meus pés descalços. Eu me sentia sozinha... O dia cinza e a fina chuva que caia me deprimiam ainda mais. As luzes do calçadão já estavam acesas naquele fim de tarde. Acabei não percebendo o quanto estava frio. A chuva se misturava com minhas lágrimas. Eu não conseguia entender o porque tudo aquilo aconteceu. Já havia perdido muitas coisas em minha vida, mas nada fez tanta falta quanto ele. Era uma dor inexplicável. Talvez ninguém nunca entenda. Lembrei-me de quando tocou meu rosto pela primeira vez. Eu podia sentir seus dedos tocando meus olhos e secando minhas lágrimas, como ele sempre fazia. “ – Nossa, como eu sinto sua falta, meu amor!” Eu olhei pro céu. Eu sentia Deus tão distante... eu suplicava a Ele que me ajudasse a entender o porque essas coisas aconteciam. Eu queria ter tido uma chance de fazer as coisas de um jeito diferente. Eu pedi a Ele uma resposta.

Olhei para a o lugar onde sempre sentávamos para conversar nos fins de semana, quando íamos a praia. Todas as lembranças vieram a tona. Todas as lembranças acompanhadas de lágrimas. A dor parecia ser insuportável. Então lembrei do dia em que ele me presenteou com uma aliança. Eu detestava certas coisas que ele me dizia, mas de certo modo, tudo sempre fazia sentido. Ele era realmente diferente de todos! Como ele me disse naquele fim de tarde, a vida é feita de momentos e nenhum deles é eterno. Não importa se seja bom ou ruim, tudo passa. Percebi que ainda usava aquela aliança e acabei me recordando do que ela significava. Eu sorri, olhei para o céu e agradeci a Deus por lembrar disso. Ele haviam me pedido para tirar a aliança somente no dia mais triste de minha vida. Me disse que havia algo escrito e que eu deveria ler. Acreditei que talvez ele dissesse que me amava. Mas era uma resposta do meu Deus. E me confortou! Ele roubou mais uma vez um sorriso, mesmo sem estar aqui. Eu me surpreendi quando li na aliança aquele: “Isso tudo vai passar.”


Por Pierre Martins

Comentários