Um dia a gente se encontra.


" A vida tinha um plano e separou a gente. " (Um dia a gente se encontra - Charlie Brown Jr)
Nos aproximamos daquela praia onde sempre íamos. Paramos em frente ao mar, nas ruínas dos antigos quiosques. Não trocamos nenhuma palavra até chegar ali. Tudo o que vivemos veio em nossas lembranças. Aquele mar testemunhou tudo. E ele precisava ver o nosso adeus para que pudéssemos seguir em paz. Meu novo mundo havia me posto em um caminho completamente oposto ao dela. A vida tinha um plano e ela separou a gente. Resolvi que já era a hora de quebrar o silencio e dar sentido para aquele ultimo encontro.

- Sabe de uma coisa? – disse olhando em seus olhos. – Um dia estaremos aqui outra vez. Estaremos sentados olhando o mar e rindo de tudo o que aconteceu. Nossos destinos sempre vão se cruzar. Não da pra fugir do destino e você é o meu.
- Daqui a quanto tempos estaremos juntos de novo? – perguntou ela sorrindo e olhando em meus olhos.
- Não sei. – respondi. – Talvez daqui a dez, vinte ou 30 anos.
- Não demora a voltar pra mim, por favor. – seus olhos brilharam.
- Olha, temos que ter cuidado com o destino, pois ele brinca com as pessoas. Então se cuida e me espera. Eu vou voltar. – sorriu.
- Não entendo porque as coisas tem que ser assim. – seus estavam vermelhos e prestes a transbordar em lágrimas.
- Amor, a vida tem um plano. – segurei suas mãos.
- Mas ela já separou a gente. – fechou os olhos e as lágrimas enfim caíram.
- Olha, se você tem por mim o mesmo amor que tenho por você, com certeza estaremos distantes do fim.
- E quando a vontade de te ver já for maior que tudo? – olhou em meus olhos.
- Então não existira mais distancia em nosso novo mundo. – respondi sorrindo.
- Me promete que estaremos juntos para sempre?
- Amor, Deus é que me livre ficar sem você! – sorri outra vez.
- Não vai! Fica do meu lado que não vai faltar amor... – sorriu.
- Amor, as circunstancias e as coisas já nos separaram...
- Mas eu te quero comigo. Mais que uma amiga, eu quero ser tua namorada. – suplicou.
- Mas nossa historia teve um fim. – respondi com pesar nos olhos.
- Tudo bem. Sei que agora é tarde, mas eu vou viver e deixo você ir. – baixou a cabeça.
- Amor, - levantei seu queixo pela ultima vez enquanto olhava em seus olhos. – então vamos viver que um dia a gente se encontra. – sorri e nos abraçamos pela ultima vez.

Eu a deixei em casa pela ultima vez. Foi a última vez que eu há vi.
As vezes é difícil fazer a coisa certa. Mas as vezes faço o que quero e as vezes faço o que tenho de fazer.
A vida é assim. Esse é o jogo. Então vamos viver que um dia a gente se encontra.



Por Pierre Martins

Comentários